Sid Carneiro

A Conferência de Gestores promovida pela ASTRAL teve repercussão direta nos profissionais das Casas Legislativas que participaram do evento na UNALE, em Brasília, no último dia 27. “O evento tirou muitas dúvidas e esclareceu sobre coisas que agente não tinha nem ideia que existiam, principalmente na parte burocrática é foi muito esclarecedor”, afirmou, Adriano Roberto de Carvalho, diretor da TV Câmara de Ourinhos (SP). A maioria defende a criação de novas emissoras legislativas.

A TV Câmara de Ourinhos exibe suas programações há treze anos pela TV a cabo, além das redes sociais, mas aguarda a articulação da ASTRAL nos principais órgãos vinculados ao Ministério das Comunicações para obter seu canal aberto num prazo razoável de tempo. “Esse evento foi primordial, porque queremos colocar o canal funcionando num tempo razoável. Pensamos nas licitações para aquisição de equipamentos, vamos corrigindo projetos e o evento nos deu orientações para isso também”, disse Adriano.

Antonio Tomazetti, Coordenador de Operações da TV Assembleia de Goiás analisou, que o evento fortalece ainda mais, a ASTRAL, como entidade. “Sempre que agente vem, temos ótimos esclarecimentos sobre as nossas dúvidas do que pode e não pode nas emissoras legislativas”, afirmou.

No entanto, Tomazett observou o debate de assuntos que chamou de grandes relevâncias, como a acessibilidade. “Mas a ASTRAL está sempre nos auxiliando para o esclarecimento de dúvidas e até problemas em relação ao tema. Tem ainda as questões em torno dos conteúdos que é frequente nas emissoras. Mas a ferramenta da Nuvem Virtual é um grande reforço, um alívio para trabalharmos com tranquilidade”, concluiu.

Igor Domingos, diretor Geral da TV Assembleia da Bahia a conferência serviu para tirar dúvidas e estreitar o relacionamento com a ASTRAL. “Foi um encontro extremamente importante para uma aproximação com todos os participantes e a ATRAL, além de aproveitar experiências de outras casas legislativas e adquirir experiências e adequá-las à nossa tv”, afirmou Igor.

A TV Bahia está numa crescente com objetivo de melhorar a programação ampliar suas atividades para o interior do estado baiano. “Sabemos que será difícil, porque as Câmaras Municipais não têm recursos, isso foi um dos pontos que apresentamos no encontro, mas vamos buscar com a ASTRAL um meio termo para tudo acontecer”, disse.

Gestor de primeiro contrato, o Diretor de Comunicação da TV Câmara da Paraíba, Marcus Weric de Oliveira Cavalcante admitiu, que ficou impressionado com o desempenho da ASTRAL para atender as demandas das Casas Legislativas. “Fiquei impressionado com a atenção da ASTRAL e seu ritmo para nos atender e formar essas parcerias. Saio daqui convicto de que vou virar um colaborador assíduo da associação enquanto estiver ocupando o cargo na TV Câmara da Paraíba”, justificou.

A Câmara de Vereadores de Nova Friburgo (RJ) ainda não dispõe de um canal próprio de rádio e tv legislativa. Enquanto isso, mantém suas atividades divulgadas na programação da Internet e em uma emissora comercial, que é uma parceira por meio de contrato. Fernanda Guimarães Assessora de Imprensa do legislativo friburguense participou da Conferência de Gestores com objetivo de obter conhecimentos sobre os tramites para a criação da rádio e da tv municipal. “O evento foi muito construtivo, principalmente em relação a uma coisa que não via há muito tempo na nossa área que é a troca de experiências. É literalmente uma rede, onde uns trazem experiências para aqueles que precisam. É bom para a transparência pública no nosso país”, observou Fernanda.

Ela avaliou que os friburguenses terão suas expectativas atendidas no sentido de que poderão participar das atividades parlamentares numa forma transparente no conforto das suas casas. “Embora haja rejeição de uma parte do setor comercial, outros avaliam de forma positiva a  ideia da transparência. A TV promoverá benefícios principalmente sobre a conscientização e da participação popular nas atividades do legislativo de Friburgo”, concluiu.