Sid Carneiro

Ex-vereador e atual Secretário Geral da Câmara de Vereadores de Sinop (MT), Pedrinho Serafini considerou, que a Rádio Câmara FM de Sinop (a primeira rádio legislativa municipal de Mato Grosso), prevista para ser implantada, em 2018, promoverá a interação do legislativo, com a população sinopense e vice-versa. O secretário se reuniu hoje (6), com o presidente da Associação Brasileira de Televisões e Rádios Legislativas (ASTRAL), Wanderley Oliveira, reforçando a intenção do presidente do Legislativo de Sinop, Ademir Bortoli (PMDB) de iniciar a programação da emissora ainda neste ano.

O encontro serviu também, para que fosse reiterada a inscrição de Ademir Bortoli no X Encontro Nacional da ASTRA, confirmado para o dia 9 de maio, na cidade de Gramado (RS). “A Rádio Câmara de Sinop é uma forma de ampliar a interação já existente com a população deixando-a ainda mais informada sobre as atividades do legislativo. E com a emissora, a população poderá se informar e também se comunicar de forma instantânea com o parlamento municipal”, avaliou Pedrinho Serafini.

Segundo ele, através da emissora, o parlamento municipal terá melhor avaliação e acompanhamento da população. E consequentemente, terá a obrigação de informar cada vez melhor, sobre suas ações. “Tenho certeza que a rádio será de fundamental importância para suprir a necessidade de uma rádio legislativa em nossa cidade”, avaliou o secretário.

Wanderley Oliveira ressaltou a motivação dos vereadores de Sinop que estão se empenhando para que a implantação da Rádio Câmara FM de Sinop seja efetivada com brevidade, seguindo os trâmites legais determinados pela Rede Legislativa de Rádios e TVs Legislativas, com sede em Brasília.

“Elogiável a iniciativa dos parlamentares de Sinop que oportunizam para população daquela cidade acompanhar as ações do legislativo. E para mostrar a intenção dessa parceria os vereadores fizeram questão de se inscrever para participar do X Encontro da ASTRAL, em maio próximo em Gramado e conhecer de perto, os desdobramentos do que acontece atualmente no cenário das rádios legislativas no país”, destacou Wanderley.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.