Sid Carneiro/ASTRAL

O Deputado Federal e Secretário de Comunicação Social da Câmara dos Deputados, Márcio Marinho (PRB/BA), adiou a reunião que teria nesta semana, com o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Eduardo Botelho (PSB). Diante de imprevistos na agenda do parlamentar, o encontro foi acertado para o próximo dia 21. A informação é do presidente da Associação Brasileira de Televisões e Rádios Legislativas (ASTRAL), em Cuiabá (MT), Wanderley Oliveira, que também é Superintendente da TVAL-MT.
Segundo Wanderley, o encontro que acontece no período da manhã, entre os dois parlamentares, tem como objetivo, reiterar a parceria da Câmara dos Deputados e, consequentemente da Rede Legislativa, com a AL-MT, consolidando, a parceria entre as duas instituições e os planos de expansão em nível estadual, tanto da TVAL-MT, como também da rádio AL-MT 89,5.

Superintendente da TVAL-MT e Presidente da ASTRAL, Wanderley Oliveira e o Deputado Federal e Secretário da SECOM/Câmara Federal, Márcio Marinho 

Compõem a comitiva da SECOM/DF, a Diretora da Coordenadora de Rede Legislativa de Rádio e TV Digital e atual vice-presidente da ASTRAL, Evelin Maciel Brisolla. O Diretor Executivo da SECOM, David Miranda e um engenheiro de Telecomunicações da Rede Legislativa.

A TV Assembleia de Mato Grosso, opera para todo o estado pelo canal, 30.1, aberto digital Full HD. Além dos canais: secundário 30.2, aberto SD e outro canal, 32.2, aberto SD Rede Legislativa – 330.1 Sky HD regional e os canais a cabo: 10 NETTV e 16 SIMTV.

“A implantação do Canal Digital 30.1 da TVAL-MT é o resultado da visão macro da atual Mesa Diretora da Assembleia de Mato Grosso, através do seu presidente, Eduardo Botelho. O presidente me autorizou ceder para o governo federal, o Canal 29.1, que fora outorgado para AL-MT, em permuta com a Associação Administradora do Processo de Redistribuição e Digitalização de Canais de TV e RTV (EAD), conhecida como, Seja Digital, formada com o respaldo da ANATEL”, disse Wanderley.

A Seja Digital comprou e instalou, a custo zero, para a AL-MT, um transmissor digital de 5 Kw de potência, operando no Canal 30.1.

“É com satisfação que a Assembleia Legislativa de Mato Grosso vai receber a cúpula da comunicação da Câmara dos Deputados, para mostramos o modelo de transmissão e programação que estamos fazendo na área de TV e Rádio, em nosso estado”, disse o deputado Botelho.

 

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.